Benvindo, Bienvenido, Welcome, Bienvenue, Wilkomen, 歓迎, приветствовать, الترحيب, 歡迎, Benvenuto, Καλώς ήρθες

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Olímpiadas 2016: melhor que a Copa 2014 e destaque para os Guias!

Em poucos anos, o Brasil recebeu dois grandes eventos mundiais, a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016. Sem dúvida, em termos de aceitação, prestígio, organização e, porque não, glamour, as Olimpíadas levaram ouro em todos os quesitos. A sensação é de que a FIFA veio apenas para ganhar dinheiro e pouco investiu no evento, enquanto na organização das Olimpíadas todos os detalhes mereceram atenção, bastando para isso comparar a abertura dos dois eventos. Em ambos os eventos, foram feitas pesquisas de mercado sobre a avaliação dos serviços e infraestrutura turística brasileira e, mais uma vez, o destaque foram os prestadores de serviços solitários que, individualmente, colaboram para a visão hospitaleira do povo brasileiro. Parabéns aos taxistas, atendentes de bares e restaurantes e, principalmente, aos Guias de Turismo, disparados como os profissionais mais bem avaliados, com quase 95% de recomendações positivas.
No quesito infraestrutura, o atendimento dos taxistas e, por incrível que pareça, a segurança pública, estão como os mais bem avaliados.

No quesito serviços, atendentes da área de gastronomia e Guias de Turismo foram bem avaliados em mais de 93%. Um sucesso, apesar das dificuldades de qualificação enfrentadas pelo setor.

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Salinas, entre o diferencial e os velhos problemas!

Salinópolis, munícipio localizado na costa Nordeste do Pará, numa região turística chamada Amazônia Atlântica, vem recebendo muitos investimentos imobiliários nos últimos anos. Segundo perspectivas dos técnicos da Secretaria de Turismo do Pará, nos próximos anos a cidade deverá se tornar um dos principais polos turísticos do Pará, tanto para o turismo regional quanto nacional, principalmente para estados próximos, como Maranhão e Tocantins, por causa do f´cil acesso rodoviário via BR 316 (Pará - Maranhão - Nordeste) e BR 010 (Belém - Brasília). Neste sentido, vários projetos estruturantes tem sido considerados para a região, como a construção da orla da praia do Atalaia e a reconstrução do aeroporto regional; além de melhorias pontuais como a organização do transito na praia e nos arredores. Contudo alguns problemas persistem e parecem de difícil solução, como as barracas de praia de madeira ao longo da areia. Em 2016, alguns incidentes foram registrados, além do desmoronamento de uma. Esperamos que tanto o Governo do Estado, um dos principais responsáveis pelos investimentos turísticos no município e a prefeitura de Salinópolis estejam atentos as melhorias necessárias para que a qualidade da experiência turística no município continue satisfatória.

A praia do Atalaia: em período de alta temporada, o Detran-PA - Departamento de Trânsito do Estado do Pará organiza todo o trânsito na faixa de areia, diminuindo os acidentes e os conflitos de usuários (banhistas com praticantes de esportes radicais, por exemplo).

Muitos barracas tem sofrido com o avanço da maré, que segundo geógrafos da UFPa - Universidade Federal do Pará é um fenômeno natural, uma vez que esta região é de formação geológica recente, então muito instável, por isso é comum as mudanças constantes na geografia das praias da região.

Detalhe do desmoronamento de uma das barracas de praia na praia do Atalaia, por pouco ninguém se feriu.


Aeroporto de Santarém atende melhor a demanda!

Recentemente, o Aeroporto de Santarém, no oeste do Pará, ganhou melhorias em toda sua estrutura, além do novo terminal que ganhou ampliação das áreas de circulação e ampliação das salas de embarque e desembarque; o pátio recebeu nona configuração para estacionamento de aeronaves. Seguem alguns registros:

A nova fachada do Aeroporto de Santarém tem uma cobertura que abriga os passageiros das chuvas e do sol da região. Foto: Portal G1.

A nova área de check in foi ampliada e melhorar refrigerada, possibilitando mais conforto aos usuários. Foto: Portal G1. 

A nova sala de embarque, apesar de possuir dois portões de embarque, possibilita apenas o atendimento confortável de um voo de cada vez. Foto: Portal G1. 

As principais companhias aéreas nacionais operam voos diários em Santarém. Gol, Tam e Azul voam de Santarém para Manaus, Altamira, Belém e Brasília, com conexões imediatas para destinos regionais, nacionais e internacionais.

A movimentação noturna intensa costuma deixar passageiros em pé na sala de embarque.

sexta-feira, 17 de junho de 2016

Sustentabilidade por meio do Turismo em Belém!

Caros leitores, é muito interessante acompanhar as mudanças sociais e ambientais por meio do Turismo, além de, eventualmente, contribuir com estas mudanças. Há cerca de 10 anos, prestei serviço a Valeverde Turismo no qual tínhamos que organizar uma visita ao lixão do Aura, localizado no município de Ananindeua, mas que recebia resíduos de toda a região metropolitana de Belém. Na época, visitamos o local com uma comitiva de empresários que pretendia contribuir com as dezenas de catadores e também investir em projetos de sustentabilidade, como a reciclagem. Este mês de junho de 2016, fiz um tour pedagógico, também pela Valeverde, mas desta vez com alunos do colégio Nazaré, preparando os alunos para discutir as temáticas de sustentabilidade. Contudo, hoje, o lixão do Aura esta parcialmente fechado e dezenas de catadores trabalham em cooperativas de coleta seletiva na cidade de Belém, Ananindeua, Marituba e Benevides. O Turismo, seja de negócios, lazer ou pedagógico, sem dúvida, pode contribuir com o desenvolvimento social, econômico e ambiental de uma região. Vamos a alguns registros destas atividades:

Na ocasião, visitamos o lixão previamente para estabelecer algumas questões de acesso e locais a serem visitados.

Lago com resíduos do lixão.

Registro de um dos primeiros ônibus de turismo a entrar no lixão.

Grupo de empresários em discussão sobre as possibilidades na área e na região metropolitana.

Movimento intenso mostra a elevada utilização do espaço do lixão.

Poços para drenagem dos gases inflamáveis.

Visita a uma comunidade de catadores em Belém.

Novamente, lá estávamos nós com os veículos de turismo em loco.

Nesta mesma atividade, visitamos a Ceasa e descobrimos, junto com as crianças e professores, o  quanto pagamos caro pelos alimentos e como podemos ser culpados pelos valores elevados ao adquirir frutas, verduras e legumes em supermercados e mercearias. A visita foi feita com a Guia de Turismo Carolina Cortinas.

Alunos, a geração do futuro, entendendo a importância das questões ambientais.

segunda-feira, 30 de maio de 2016

767 Latam e A330 da Azul em Belém!

O mês de maio em Belém teve visitas ilustres no Aeroporto Internacional de Val de Cans. Um deles, foi o 767-330 com a nova pintura da Latam, a marca que substituía duas das maiores companhias aéreas latinas, a brasileira TAM e a chilena Lan. A aeronave cumpriu a rota Miami - Belém - Miami. Outra visita não esperada, mas muito bem registrada, foi a passagem do A330 da Azul Linhas Aéreas. A aeronave realiza voos para Manaus e Fort Lauderdale e Orlando, nos Estados Unidos, ainda não operada regulamente para Belém. Por causa do mal tempo na capital amanozanense, a aeronave fez um pouso não programado em Belém.

O 767-300 em Belém! Foto: Fabio Romero.

A nova pintura da companhia não agradou, ficou muito básica. Foto: Fabio Romero.

A330 da Azul Linhas Aéreas se preparando para a decolagem, esperamos vê-lo em breve por aqui em voos regulares. Foto: Reynaldo Carvalho.

A330 parado na posição remota, a aeronave retornou no mesmo dia para Manaus e de lá para Campinas, cumprindo o voo regular. Foto: Thyago Thomas, via UZ7 Spotting.

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Tocha Olímpica em Belém!

A Tocha Olímpica chega a Belém no próximo dia 15 de junho... segue o trajeto que fará em Belém, percorrendo as principais avenidas da cidade desde o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, até o Portal da Amazônia, a nova orla de Belém!